sexta-feira, 30 de junho de 2017

PEDIMOS JUSTIÇA!!!!!!! AÉCIO NEVES VOCÊ AINDA NÃO ESTÁ LIVRE DAS CONDENAÇÕES CRIMINAIS!

A população Brasileira tentam entender ,mais não aceitam ,que o julgamento foi pelo cargo de Senador, agora quem vai decidir a cassar seu cargo será o Senado!

A briga está só começando!
Verificando os delitos praticados por Aécio Neves ainda tem os considerados como inafiançáveis, 
  • como a cobrança de propina de 3% nas obras 
  • Suspeita de tráfico de entorpecentes
  • Terrorismo ( Ameaça) Aécio pede R$ 2 milhões ao JBS
  • Crimes de assassinato ( Denuncias do Policial ) “Eu só faço desse jeito, entre dois”. Aécio concorda, mas preocupa-se: "Tem que ser um que a gente mate ele antes de fazer delação”, 
  • Desvio de 63 Milhões da Odebrecht
  • Dinheiro no Exterior de 50 milhões na Suíça
Enquanto as pessoas que foram pegas no flagrantes não derem o parecer da procedência dos dinheiros a investigação continuara.

Analisando as informações dos processos o flagrante das denuncias não foram comprovados – o senador apenas foi delatado cometendo crime – não se teria como prendê-lo, considerada a previsão : - 
  • ·do artigo 53, § 2º, da Constituição Federal. “Vale notar que o ato extremo poderia, pelo voto da maioria dos membros do Senado, ser afastado”
  • Existem mais delações com provas já que relação entre Aécio e Joesley, porém, é bem mais antiga.
  • O montante pago em propinas nos últimos anos levantados até agora chegaria a R$ 400 milhões oficiais e R$ 100 milhões por fora, com notas fiscais frias, por exemplo. O texto do inquérito afirma em seguida que “desse valor em torno de R$ 400 milhões foram de propina e R$ 100 milhões de doações lícitas.
Cabe a nós cobrar o senado e a nossa justiça pelas redes sociais!

AÉCIO NEVES QUER BARRAR INVESTIGAÇÕES

No encontro do Hotel Unique, empresário e senador não vão direto ao assunto, os tais R$ 2 milhões, e ficam evidentes os esforços de Aécio para obstruir as investigações das diversas operações de combate à corrupção.

Segundo o áudio gravado por Joesley e o texto do inquérito divulgado na sexta-feira 19, Aécio estava exaltado: o primeiro assunto em pauta é a deflagração da Operação Carne Fraca, dias antes, e Aécio menciona conversas com o presidente Michel Temer, o que revela a proximidade entre o atual chefe do poder executivo e o senador.

Sobre a Carne Fraca, Aécio fala em "confusão filha da puta. Eu estava falando com o Trabuco (Luiz Carlos Trabuco Cappi, presidente do Bradesco) hoje de manhã, fomos apertar 0 Michel. Agora, a Polícia Federal tinha que fazer uma meia culpa (sic) pública, pedir desculpa”, afirma o senador.

E Joesley aproveita o gancho e pergunta especificamente sobre a necessidade de parar as investigações da Polícia Federal e do Ministério Público e Aécio é categórico quanto à estratégia: “cortar tudo para trás”. A ideia do senador é:

A conversa da  criminalização MEDIANTE OS FATOS!
  • “Acabar com todos esses crimes, de falsidade ideológica… negócio grande não dá para assinar na surdina, todo mundo assina, o PSDB vai assinar, o PMDB vai assinar, estamos montando. 
A ideia é votar.
  • Por que o Rodrigo (Maia, presidente da Câmara) devolveu aquela tal das “dez medidas”, a gente vai votar naquela merda daquelas “dez medidas”, então essa porra. Estou trabalhando nisso igual um louco”
No depoimento, Joesley é específico ao afirmar que Aécio falou da necessidade de aprovar a lei da anistia ao caixa 2 e do abuso de autoridade.

A ESCOLHA DE DELEGADOS
Especificamente sobre a Lava Jato, o senador teria tentado organizar uma forma de impedir que as investigações avançassem por meio da escolha dos delegados que conduziriam os inquéritos, plano que não foi colocado em prática no que seria um acordo envolvendo o próprio Aécio, Temer e o então Ministro da Justiça, e hoje ministro do Supremo, Alexandre de Moraes.
  • - “O que vai acontecer agora, vai vir inquérito sobre uma porrada de gente , caralho, eles aqui são tão bunda mole, que eles não notaram o cara que vai distribuir os inquéritos para os delegados, você tem lá, sei lá, tem dois mil delegados na Polícia Federal, aí tem que escolher dez caras. 
O do Moreira Franco, o que interessa a ele, sei lá, vai pro João. O do Aécio vai pro Zé. 0 outro filho da puta vai pro, foda-se, vai para o Marculino, nem isso conseguiram terminar, eu, o Alexandre e o Michel”

A CONFIRMAÇÃO QUE TUDO DUROU 15 ANOS
Ficou confirmado nos processos nos depoimento que foi constatado em suas empresas vários ilícitos cometidos pela alta direção nos últimos dez ou 15 anos, especialmente nos últimos cinco. 

De acordo com o empresário, a corrupção envolve doações oficiais para campanhas políticas e caixa 2, inclusive com dinheiro em espécie, o que dependia do acordo fechado em cada esquema. 

A conta apresentada pelo empresário, segundo o inquérito, é totalmente clara de acordo com as gravações

O que nos resta agora é cobrarmos a nossa justiça para fazer valer as leis..

BOMBA TEMER!!! URGENTE TEMER ESTÁ COM OS DIAS CONTADOS!!!

ROCHA LOURES RESOLVEU FAZER DELAÇÃO PREMIADA!AGORA EU PERGUNTO ONDE ELE CONSEGUIU OS R$ 15.000,00 MILHÕES?

Renúncia já de Michel Temer esta mais que provado ninguém absolutamente ninguém quer qualquer negócio com sabotador, traidor, golpista, mentiroso e corrupto e mais
  • "Michel Temer" você esta chefiando uma quadrilha de corruptos e desgovernando tudo aquilo que foi construído entre 2003 a abril/2016 pelos bons governos de esquerda. "Michel Temer" renuncia já com toda sua quadrilha.
O ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, que está preso depois de ter sido flagrado carregando uma mala de R$ 500 mil em propina da JBS que teria Michel Temer como destinatário, decidiu fazer delação premiada. 

A PF constatou que Temer incentivou pagamentos ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a fim de comprar seu silêncio no âmbito da Operação Lava Jato, e que por isso atuou para obstruir investigações.

O incentivo ocorreu durante uma conversa com Joesley Batista, dono da JBS, no Palácio do Jaburu, cuja gravação foi entregue pelo empresário à PF. A perícia oficial do áudio concluiu que não houve edições. 

O documento da Polícia Federal diz ainda que Temer deixou de comunicar as autoridades sobre suposta corrupção de membros do Judiciário e do Ministério Público. Na mesma conversa, Temer foi informado que Joesley ’comprou’ um procurador da República para obter informações de um processo contra a J&F, acionista da JBS.

A informação foi analisada depois de varias investigações junto aos setores jurídicos que acompanham os processos da Lava Jato e do Supremo Tribunal Federal , dizem que Rocha Loures já está à procura de um novo advogado. 
  • "Pesou na decisão de Loures a renovada pressão da família, principalmente da mulher grávida e do seu pai, e as condições em que ele vive há mais de duas semanas numa cela da carceragem da Polícia Federal, em Brasília. Além de pequena, a cela carece de banheiro, janela, ventilação adequada e aparelho de televisão. 
  • · Loures não tem companhia. Queixa-se da comida", 
A delação de Rocha Loures pode ser a pá de cal no governo moribundo de Michel Temer. "Se de fato delatar, o episódio de mala será só um detalhe de um copioso relato que Loures poderá fazer. Sua estreita ligação com Temer é antiga. Loures prestou relevantes serviços ao amigo. 
  • · E, agora, está se sentindo abandonado por ele e pelos que o cercam", 
O advogado do homem de mala de Temer, Cézar Bittencourt, 
  • diz que Loures "morre, mas não delata".
  • Agora a Câmara precisa autorizar processo para derrubar Michel Temer!
A denúncia foi aceita pelo STF, Temer se tornar réu ele ficará afastado do cargo por 180 dias. 

Caso o processo não seja julgado nesse prazo, o presidente reassume as funções.


È o momento de pedir a anulação do Impcheament!

quinta-feira, 29 de junho de 2017

BOMBA DAS FALÊNCIAS!!! COMPROVADO QUE A MÁFIA DAS FALÊNCIAS’ RESULTOU NO PREJUÍZO DE MILHÕES AO PARANÁ!

A esposa do juiz Sérgio Moro, através das APLICABILIDADE COMO ADVOGADA ESTÁ SUB SUSPEITA! 
Rosângela Moro, esposa do juiz implacável Sergio Moro, dá prejuízo de bilhões ao estado do Paraná. É claro que não cabe nenhuma responsabilidade ao juiz Sérgio Moro, conforme está previsto no “art. 5º, XLV da CF... preconiza que somente o condenado, e mais ninguém, poderá responder pelo fato praticado, pois a pena não pode passar da pessoa do condenado...”

Será que um juiz que, tido pela mídia como quem combate à corrupção, pode aceitar que a sua esposa pratique uma falcatrua dessas contra um estado falido?
O juiz que ameaça até prender um ex-presidente, trancafia empresários poderosos, senadores e ministros e que chega ao absurdo de mandar grampear a presidente da República? 
 Que ainda a acusa de deixar faltar dinheiro para operação Lava Jato, no que foi desmentido pela própria Policia Federal, que veio a público dizer que havia dinheiro de sobra na PF para financiar a Operação?

Esse juiz que aceita esse tipo de coisa da esposa chefia a lava Jato, cuja ação já resulta em mais de uma centena de milhares de demissões de trabalhadores, só dentro do Sistema Petrobrás!

Fatos Verdade x Advogados de Curitiba:-
  • Advogado de mulher de Cunha, absolvida por Moro, está envolvido em roubo da APAEs com mulher de Moro
O advogado também defende outros seis investigados na Operação Lava Jato. Entre os clientes estão os delatores Dalton Avancini e Eduardo Leite, executivos da Camargo Correa. Também estão na lista de representados por ele o ex-assessor de Pedro Correa Ivan Vernon, João Bernardi, Valério Campos e João Cláudio Genu.

Claudia Cruz já é ré na Lava Jato em uma ação em curso na Justiça Federal de Curitiba. Ela é acusada pelo MPF de lavagem de dinheiro e evasão de divisas envolvendo valores provenientes de propina recebida pelo esquema de corrupção na Petrobras.

Condenação indevida sem provas:-

Esse juiz condenou o ex-ministro José Dirceu a 23 anos de prisão sem qualquer prova material contra ele e ainda seqüestra a casa de sua mãe de 94 anos! Isso com um parecer, no mínimo inédito, elaborado pela ministra Rosa Weber, assessorada pelo mesmo Sérgio Moro, na AP 470 mensalão: 
  • “Não tenho prova cabal contra Dirceu – mas vou condená-lo porque a literatura jurídica me permite”. 
Se é tão implacável contra os petistas, condenado sem provas, permite esse desfalque aos cofres públicos pela sua esposa bem como nada fez com o mensalão do PSDB, que está prescrevendo sem julgamento, mesmo sendo anterior ao do PT! 
  • E ainda, na Lava Jato, nada faz contra os tucanos, apesar de delações inúmeras!
Mas voltando à esposa de Moro. A banca de advogados, cuja esposa de Moro fez parte, é acusada de conduta de desvio de valores na administração de mais de cem falências, segundo apurou a:
  • CPI das Falências. São bilhões de reais pagos pelo estado à chamada “Indústria das falências”. Na época, saiu até um livro sobre o esquema desbaratado pela CPI, no qual o título é “Poder, Dinheiro e Corrupção! 
  • Os Bastidores da CPI das Falências”, obra escrita pelo deputado Fabio Camargo (PTB), autor e presidente da CPI. Segundo Estadão de 15/06/2013: “PF investiga ‘Mafia das falências” na justiça do Paraná”. 
  • Onde está 450.000.000.00 roubados das apaes do paraná pela mulher do moro?tá sobrando na conta deles em miami-EUA. 
  • As crianças morrendo por falta de recursos em campinas e barretos fechando sem dinheiro...povo acharcado de novo.e a gracinha dele continua enganando o povo
No relato da PF a imprensa nenhuma referencia a esposa do juiz Sérgio Moro.

Pasmem! Vazamento de informações punição somente para os pobres!
  • O autor e presidente da CPI, Fabio Camargo (PTB), quase foi preso ao vazar informação do processo. 
O procedimento contra o deputado no MP é de número 18327/2012. Pois é, o deputado quase foi preso por vazar informações do processo e a Lava Jato, também conhecida como Vaza a Jato, vazar a todo momento, e nada acontece.

Aliás, o ex- presidente Lula foi alvo de denúncias vindas da Lava Jato, que foi noticia diária por meses no Jornal Nacional da Globo, acerca : -
  • do sítio e o triplex que nunca foram de Lula, 
  • do pedalinho 
  • do barco que nem motor tem. 
Na verdade num pacote de abobrinhas, tudo só para tentar tornar Lula inelegível em 2018!

Mas as denúncias contra a esposa de Moro, pela gravidade, mereciam a mesma cobertura que deram as de Lula ou, pelo menos, que fossem noticia num programa:
  •  do Fantástico
  • do Jornal Nacional
Deveriam ser exibidas com as devidas explicações de Moro e de sua esposa. 
Poderiam explicar também a denúncia de que sua esposa também trabalha, para o:
  • PSDB 
  • Empresas multinacionais de petróleo, as altamente beneficiadas por essa operação. 
A Lava Jato combate a corrupção, o que é positivo, mas o faz de forma seletiva, destruindo a imagem do país,e da Petrobrás e protegendo os tucanos!
  • Quem quer realmente combater a corrupção não pode proteger os principais bandidos!
E não cabe a desculpa de que trata-se de sua esposa, pois para atingir Lula, usam o filho a nora, o amigo o compadre e, por último, um sobrinho da esposa. 


Nação Brasileira, logo, logo estará chegando o dia maravilhoso que juntos cantaremos de alegria: "Ciranda, cirandinha..."
Vamos todos cirandar!


quarta-feira, 28 de junho de 2017

BOMBA DA DELAÇÃO!!!5 CRIMINOSOS QUE DELATARAM CONTRA O PT,E MORO SOLTOU!

E ainda devolveu dinheiro aos delatores , E agora? QUE ABSURDO É ESTE?
Manteve João Vaccari Preso que depois foi inocentado por falta de provas. 
Analisando as delações , verificamos terem se tornado válidas como prova e condenação não é uma interpretação generalizada, mas restrita à 13ª Vara Federal de Curitiba. E para quem vai os milhões pagos aos advogados da delação?

DOS DIREITOS DE VACCARI
  • 1.Falha do Estado na verificação das informações que, por diligência, tinha condições de saber. 
  • 2. Dano moral evidente no caso concreto.
  • 3. Dever de reparar manifesto, fixando-se valor do dano moral compatível e proporcional ao porte do evento. 
  • 4. Redução no âmbito recursal a patamar condizente com precedentes jurisprudenciais em casos análogos. 
  • 5. Dano material comprovado. 
  • 6. Manutenção da indenização, alterado, apenas o valor do dano moral. 
  • 7. Ação julgada procedente. 
  • 8. Recursos Oficial e de Apelação  providos .
A JUSTIÇA ACORDANDO DO SONO PROFUNDO

Penso que ainda não é cedo para dizer (que a tese virou regra), uma vez que tem acontecido na vara do juiz Sergio Moro. Ele tem proferido condenações com base em delação. Agora é que os tribunais de recursos começam a examinar essa matéria devido a tantas manifestações nas redes sociais tendo interferência indireta nas decisões.

Existem muitos defensores da Esquerda Brasileira com conhecimento de causa jurídica, cabe aos senhores juízes a saber que não estão lhe dando com brasileiros de 30 anos atrás que só tínhamos jornais,rádios ,revistas e televisão hoje a população tem a internet! E quem manda nos políticos e jurídicos é povo com orientação e explicação por parte destes defensores!

Um juíz TOTALMENTE parcial PODEMOS CONSIDERAR ELE , injusto e incorreto, pois apenas analisa parte de uma situação, ignorando o ponto de vista geral desta. No caso de um conflito entre as partes do processo, por exemplo, ele foi  juiz parcial optando  por defender um dos lados e acusar o outro, ignorando os argumentos dos fatos.

A parcialidade é tanta ,que Sergio Moro garantiu regime aberto aos réus colaboradores que ajudando a condenar João Vaccari Neto em 2015. Ex-tesoureiro do PT foi absolvido em segunda instância por falta de provas correspondentes às delações 

Pedro Barusco, Augusto Mendonça, Eduardo Leite, Paulo Roberto Costa e Alberto Youssef. Esses cinco delatores da Lava Jato têm algo em comum: todos foram poupados pelo juiz Sergio Moro por terem sido os responsáveis pela condenação de João Vaccari Neto a 15 anos de prisão, em setembro de 2015.
  • Eles estão em regime aberto, graças ao acerto com o Ministério Público Federal, enquanto Vaccari está preso há mais de dois anos em Curitiba, assistindo à proliferação de denúncias contra si.
A DERRUBADA DA SENTENÇA DE VACARI

A sentença de Moro foi derrubada em segunda instância nesta terça (27). Por 2 votos a 1, os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região entenderam que o simbolo da Lava Jato admitiu delação sem provas correspondentes contra Vaccari.

O petista foi acusado pelos procuradores de Curitiba de ter recolhido propina em cima de contratos da Petrobras, na forma de doação oficial ao partido. O esquema na estatal envolvia as direitorias de Serviços, de Renato Duque, de Engenharia, de Pedro Barusco, e de Abastecimento, de Paulo Roberto Costa.

As 5 delações levantadas pelo MPF, usadas na decisão de Moro, têm um toque do famoso e criticado 
  • “ouvi dizer”. 
As provas documentais que o juiz considerou suficientes para corroborar os depoimentos dos delatores não comprometiam diretamente Vaccari, mas apontaram para o enriquecimento dos ex-diretores da estatal. 

RASTREAMENTO DO DINHEIRO DA CORRUPÇÃO E SEU DESTINO
  • Só que o rastreamento do dinheiro desviado parou nas contas secretas de Duque, Barusco e Costa. A defesa chegou a apontar, nas alegações finais, que nada foi encontrado após a devassa nas finanças de Vaccari.
Para condenar Vaccari, Moro usou o fato de que o tesoureiro estava sendo denunciado não por um, mas por cinco delatores, alegando que os depoimentos formavam um cenário:- 
  • “coerente”. 
Disse que era estranho que o PT tenha recebido doações das empresas contratadas pela Petrobras e supervalorizou o depoimento do doleiro Alberto Youssef.

Se as provas documentais pareciam insuficientes para alguns, apontou Moro, para ele, o importante era que não dava para dizer que não existia valor nenhum nas delações. 
  • “O substrato probatório é suficiente para a condenação criminal, já que não é possível afirmar a inexistência de prova de corroboração das declarações dos colaboradores”, ponderou.
OS BENEFÍCIOS DOS DELATORES

Por alegar que tratou com Vaccari da doação eleitoral ao PT como forma de abater parte da propina negociada com Duque, o empresário Augusto Mendonça foi condenado por Moro ao “regime aberto diferenciado”, que permite até viagens internacionais.

Paulo Roberto Costa seguiu a linha de Mendonça: 
  • disse que Vaccari sabia que negociatas na Diretoria de Abastecimento renderiam repasses ao PT e, por conta de sua colaboração, foi absolvido.

Pedro Barusco afirmou que Vaccari participou de reuniões, na presença de Duque, para discutir a divisão da propina. Sem provas dessa situação, foi condenado ao regime aberto, com uso da tornozeleira eletrônica por dois anos e serviços comunitários.

Eduardo Leite, um dos primeiros da Camargo Correa a fazer delação, foi colocado em liberdade assim que fechou o acordo, em março de 2015, antes mesmo de Vaccari ser preso na ação. Leite sequer foi denunciado pelo MPF. Em seu depoimento, disse que Vaccari o procurou pessoalmente para fazer doação ao PT em troca de contratos com a Petrobras.

Em todos os casos acima, Moro considerou que provas documentais de que as empresas, de fato, pagaram propina no exterior aos ex-diretores da Petrobras, era argumento suficiente para dar “valor” às delações.

Já Alberto Youssef afirmou não só que Vaccari estava envolvido no esquema como teria operado, a pedido da OAS, pagamento em espécie à cunhada do petista. Como prova, Moro citou mensagem de texto em que um executivo da OAS informa a Youssef um endereço e o primeiro nome da pessoa que deveria receber os recursos, “Marice”.

O juiz considerou a mensagem suficiente para dar crédito ao depoimento do doleiro, embora a cunhada de Vaccari não tenha sido denunciada nesta ação penal. Em contrapartida, Youssef teve sua condenação totalmente suspensa.

A EXIGÊNCIA DAS PROVAS

Na página 35 da sentença, Moro fez uma defesa da delação premiada. O juiz considerou que esse tipo de instrumento, em crimes de colarinho branco, às vezes é a única maneira de desnudar um esquema. Além disso, tratou as provas documentais como uma formalidade exigida pela lei.
  • “(…) mesmo vista com reservas, não se pode descartar o valor probatório da colaboração premiada. É instrumento de investigação e de prova válido e eficaz, especialmente para crimes complexos, como crimes de colarinho branco ou praticados por grupos criminosos, devendo apenas serem observadas regras para a sua utilização, como a exigência de prova de corroboração.”
  • “Questões relativas à credibilidade do depoimento se resolve-me pela valoração da prova, com análise da qualidade dos depoimentos, considerando, por exemplo, densidade, consistência interna e externa, e, principalmente, com a existência ou não de prova de corroboração”, acrescentou.

Moro ainda disse que várias delações da Lava Jato precisavam de investigações mais profundamente, mas não no caso de Vaccari. Contra o petista, o juiz enxergou 
  • “provas de corroboração abundantes”.
Além de Vaccari, Moro condenou outros réus que não fizeram delação premiada. Eles recorreram ao TRF-4, mas tiveram os pedidos negados.

RESUMO:

 “O importante e até simbólico nesse momento é que, pela primeira vez, um tribunal superior, ou pelo menos um desembargador, reconhece que houve condenação sem nenhuma prova, com base exclusiva em palavra de delator, o que não é possível pela lei brasileira”, diz o advogado de Vaccari, Luiz Flávio D’Urso. Vaccari encontra-se em prisão temporária em Curitiba desde 15 de abril de 2015.

O voto do revisor do processo no TRF-4, Leandro Paulsen, foi pela absolvição de Vaccari por falta de provas. 


  • “Nenhuma sentença condenatória será proferida apenas com base nas declarações de agente colaborador. O fato é que a vinculação de Vaccari não encontra elementos de corroboração. 

É muito provável que ele tinha conhecimento, mas tenho que decidir com o que está nos autos e não vi elementos suficientes para condenação“, disse o magistrado.

O NOSSO TRABALHO EM MOSTRAR A VERDADE A POPULAÇÃO NUNCA VAI PARAR!

terça-feira, 27 de junho de 2017

SEMANA DA CONSCIENTIZAÇÃO POLITICA! E VOCÊ ?

Não haverá tristeza somente alegria!
ME SENTINDO DECEPCIONADO COM MEUS COMPANHEIROS DE ESQUERDA QUE A DEFENDEM ,MAS ME CRITICAM POR ESTE TRABALHO QUE VENHO FAZENDO!

So me resta transformar em poesia a minha decepção!

Hoje vendo a mesma esquerda ,dá-me aquele desgosto,o que fizeram com ela,pergunto já indisposto?

Arrasaram suas margens da esperança, restando só o capim e as tratam como se fosse um lixo da sociedade,a direita nos chamam de esgoto do Brasil!

Sinto uma certa ambição ,ignorâncias,desrespeito entre muitos ,com esta minha nova criação de fazer política !

Vocês defensores fizeram o que quiseram sem prestar bem atenção no mal que levou muitos a desistirem da esquerda!

Mas ainda resta tempo ,de rever sua ações, busco o então feito de reviver a nossa ESQUERDA, tornando-a como perfeita de nossa Democracia.

Só basta ter a vontade ,alguma determinação, precisam sair do velho reclame, do velho bordão e partir para a ação.


¨ORIENTAÇÃO E EXPLICAÇÃO A TODOS QUE CLAMAM PELA PAZ EM NOSSO BRASIL!¨

Senhores defensores da esquerda, repensem seus atos,pois estou aqui para mudarmos e consertarmos um erro provocado pelo mau entendimento do que é esquerda!

Vamos nos unirmos e mudar este conceito de esquerda ridícula.

Eu não me considero ridículo e as pessoas que estão me seguindo são especiais, se as suas não são ,não posso fazer nada!

Se torne especial para seus seguidores,quem sabe eles o verão de outra forma!

Talvez resta uma esperança em você.


Abraços e boa sorte com seus trabalhos!


O MAJESTOSA ESQUERDA VALENTE FRUTO DOS BONS FILHOS! 


Oh, majestosa Esquerda,
Ideologia de belos frutos, de pessoas belas,
Ideologia, de onde seu povo surgiu,
E para onde um dia, todos retornaram.

Oh, Ideologia amada,
A mãe da pobreza e da beleza societária,
Ideologia, que no centro do mundo,carrega sobre ela, todo peso de uma Democracia. 

Ideologia, que do mundo absorve todos os seus pobres, sem reclamar,
Ideologia, daqueles que tem a certeza que podem,
E daqueles que ficam na vontade de um dia talvez sobre ela governar.

Esquerda,de todos, na Terra de ninguém,
Esquerda,de filhos ricos e de pobres também,
Esquerda,que dá a vida e que salva também,

Esquerda,que ajeita e que acolhe,
Esquerda, mãe, Esquerda,filha,
Esquerda, água, Esquerda,fogo, Esquerda, vida, 


Esquerda,que um dia trará união do mundo!

segunda-feira, 26 de junho de 2017

BOMBA ISTOÈ!!!!!!!!REVISTA RECEBE INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA CASO TRIPLEX ! QUEM VENDEU A INFORMAÇÃO?

UMA PRATICA ANTES DA ANALISE DO PROCESSO POR SERGIO MORO, ISTO É PRATICA CRIMINOSA !

De Acordo o tipo de crime previsto no artigo 27-D da Lei n.º 6.385/76 (introduzido pela Lei Federal n.º 10.303/01) tem se mostrado pouco eficaz, os autores desse crime não são reconhecidos.


Preceitos jurídicos:-

A conduta da ISTOÉ, subsiste à análise do art. 18 da lei 7.492 /86 e art. 38 da lei 4.595 /64. Abrangência de que toda pessoa que tem acesso a informação sigilosa. Cabe à empresa solicitar autorização judicial para divulgação de informação sigilosa imprescindível à sua defesa. 

REVISÃO DE INFORMAÇÕES  PROCESSUAIS SIGILOSAS

Cabe analise proferida com efeito de REMESSA OFICIAL SER PROVIDA. - Remessa oficial da decisão que poderá conceder ordem de habeas corpus para trancar inquérito/processos policial que visa investigar eventual infração do parágrafo 7º do art. 38 da Lei nº 4.595 /64, por violação do dever de sigilo.
  • § 7º A quebra do sigilo de que trata este artigo constitui crime e sujeita os responsáveis à pena de reclusão, de um a quatro anos, aplicando-se, no que couber, o Código Penal e o Código de Processo Penal, sem prejuízo de outras sanções cabíveis.
Fundamentalização Constitucional: Art. 37, § 6 da Constituição Federal de 88

Os representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL.
  • Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência e, também, ao seguinte: (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 19, de 1998)
  • § 6º As pessoas jurídicas de direito público e as de direito privado prestadoras de serviços públicos responderão pelos danos que seus agentes, nessa qualidade, causarem a terceiros, assegurado o direito de regresso contra o responsável nos casos de dolo ou culpa.
ANALISANDO OS FATOS 
PARTE DO PROCESSO QUE AINDA CORRE SOBRE O TRIPLEX ,SERGIO MORO TENTARÁ CONDENAR LULA SEM CONSEGUIR PROVAR SE HOUVE SIMULAÇÃO FINANCEIRA!

A existência de inquérito ou ação penal acusando alguém de participar de um esquema criminoso e se  há provas de que essa pessoa criou “simulacros” para fraudar movimentações financeiras seria o suficiente para responsabilizá-la por lavagem de dinheiro. 

Um exemplo claro:- Condenação de Nestor Cerveró 

Em nossa analise esse foi o entendimento do juiz federal Sergio Fernando Moro ao condenar o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró a cinco anos de prisão.

Sentença esta que Sergio Moro afirma que ele usou um apartamento de luxo no Rio de Janeiro para lavar dinheiro recebido como fruto de corrupção em contratos da estatal. ( Isto foi e é prova Cabal comprovada)!

Moro concluiu que Cerveró simulou um contrato de locação do imóvel em 2009, pois não tinha condições de comprá-lo com seu salário da época. Segundo o Ministério Público Federal, o apartamento é avaliado hoje em R$ 7,5 milhões e registrado em nome da Jolmey do Brasil, que seria uma empresa de fachada criada com o objetivo de ocultar a propriedade.

3 QUESTIONAMENTOS A SABER?
  1. Agora eu pergunto qual empresa Lula usou para compra-lo?
  2. Qual contrato de promessa fictício que foi arrolado nos processos do Triplex?
  3. Qual o contrato arrolado no processo sobre aluguel fictício?
Desde 2012, a lei de lavagem (9.613/98) ela considera que o processo e julgamento desse tipo de assunto independe das infrações penais antecedentes, e o Superior Tribunal de Justiça já reconheceu que a bastam indícios para o oferecimento de denúncia nesta classificação acima , que não é o caso do Lula! 

Mas analisando inúmeros advogados , que defende outros réus da “lava jato” e PHD´s em direito criminal que lecionam sobre o tema na Fundação Getúlio Vargas, avalia que a condenação não poderá se basear apenas em menções de crime anterior.

· “A lavagem de dinheiro exige a comprovação da materialidade delitiva. Para uma condenação, é preciso ter certeza de que a infração anterior existiu e produziu um produto que passa a ser objeto da lavagem.” 

· "Em 2009 foi feito o contrato entre a OAS, a Planner (corretora) e a Caixa Econômica Federal cedendo todos os documentos creditórios dos apartamentos do Edifício Solaris. Neste documento, a Caixa indica uma agência e conta onde os valores referentes aos apartamentos devem ser depositados para que haja a liberação do imóvel. 
  • Só se houvesse depósito nessa conta a agência da Caixa os imóveis do Solaris estariam liberados para venda, doação ou qualquer forma de transferência da propriedade"
O ONUS DA PROVA

Consideramos “estranha” a falta de remessa de qualquer valor para contas de Lula ou de terceiros. 
  • Não houve nenhum delator oferecendo testemunho de que Lula houve consumido em despesas com o imóvel no Guarujá,.
Assentamos que pode haver ocultação ou dissimulação da natureza, origem, localização, disposição, movimentação ou propriedade de bens, direitos ou valores provenientes de atividades lícitas, por oposição à ocultação ou dissimulação da natureza, origem, localização, disposição, movimentação ou propriedade de bens, direitos ou valores provenientes de atividades delitivas, e como no sistema jurídico vigente o ônus da prova da materialidade do crime incumbe à acusação, outra não pode ser a conclusão de que o delito de lavagem só se caracteriza quando estiver provada além de qualquer dúvida razoável a infração penal que deu causa, direta ou indiretamente, aos bens, direitos ou valores cuja origem, localização, disposição, movimentação ou propriedade é objeto da ocultação ou dissimulação.

A não ser assim, o crime de lavagem transforma-se num crime abstrato, cuja existência é metafísica e ocorre somente na cabeça daquele que encarna o órgão de acusação e daquele que encarna o órgão jurisdicional que profere sentença condenatória. 
  • Numa palavra, converte-se a lavagem em mero delírio.

RESUMO:DOS FATOS

Sergio Moro deverá avaliar 87 depoimentos a favor Lula nos processos do Triplex, caso contrario fará um “péssimo negócio” ao deixar de analisar os fatos.

Outra peculiaridade é o fato de que, o apartamento não ter sido congelado por ordem judicial, ninguém fez objeções quanto a este fato, “o que seria de se esperar se, de fato, constituíssem uma empresa real e autônoma”.Mas não ocorreu isto prova que o apartamento é da Caixa Econômica federal e da OAS!

“No quadro probatório apontado, com múltiplas e convergentes provas indiretas a respeito da real titularidade do bem, não temos qualquer dúvida razoável de que o imóvel de fato pertence a Caixa Econômica Federal e a OAS sob:
  • Contrato registrado na Junta Comercial , 
  • O contrato de compra e venda entre Lula e a OAS , é inexistente ,
  • Não foram encontrados expedientes fraudulentos para ocultar a real titularidade do referido bem”.
Cabe a absolvição do Réu ,por não terem provas contundentes quanto a sua titularidade!
Cabe a investigação pelo Supremo Tribunal Federal quanto a conduta dos órgãos jurídicos em comercializar informações privilegiadas!


quinta-feira, 22 de junho de 2017

BOMBA DA OAB!!! JUIZ SÉRGIO MORO CONFESSA QUE NÃO PASSOU NO EXAME DA OAB!

E COM SUA ARROGÂNCIA DISSE : ‘FAÇA CONCURSO PARA JUIZ’ , SE NÃO CONSEGUE SER UM ADVOGADO!
Qual seu interesse em fazer a prova da OAB depois se ser tornar um juiz federal?
O próprio Sergio Moro confessa em audiência que não passou no exame da OAB!

Agora porque ele tentou fazer a prova? 

No minimo queria desistir de ser juiz, porque como advogado de defesa ganha se muito mais ,os advogados de defesa chega a ganhar R$ 15.000.000,00 a cada acordo de delação com os juízes! 

Como aconteceu com Beatriz Catta Preta atuou em nove dos 18 acordos de delação recebeu R$ 270.000,00 milhões de Reais,para quem foi este dinheiro?

Acredito que tem muitas pessoas que não leem direito as noticias. 

Agora a OAB que desminta a matéria.Ela que prove que Sergio Moro passou na OAB.Espero que não encontre um juiz que desacata as leis para puni-lo sem provas.

Vamos ver se vai gostar. 

Qual o interesse dele em fazer a prova da OAB.Você leu as matérias acredito que não, até eu que sou um cidadão comum gostaria de ganhar 15 milhões para fazer acordo com juízes de delações de meus clientes presos.

Bem melhor que ser um juiz. 

O que você não entendeu que todo dinheiro pago a estes advogados é o seu dinheiro roubado pela corrupção!

Será que caiu a ficha? 

Como estudante de Direito aprendi que há hierarquia entre o juiz, promotor e o defensor, todos estão no mesmo patamar, apenas com funções diferentes.

O advogado que defende o ex-ministro Anotonio Palocci, José Roberto Batochio, desafiou o arrogante juiz federal Sérgio Moro, e discutiram durante audiência do processo da 35ª fase da Operação Lava Jato nesta segunda-feira (6).

Batochio questionou uma pergunta feita pelo juiz a uma testemunha. Em resposta, Moro disse para o advogado fazer concurso para juiz. “O doutor faça concurso para juiz e assuma a condução da audiência, mas, quem manda na audiência é o juiz”, disse.

Como se sabe, Moro não passou no exame da OAB, por isso deve achar que é mais importante que os advogados em questão.

Esta ação penal apura a relação entre o Grupo Odebrecht e o ex-ministro Antonio Palocci. Segundo o Ministério Público Federal (MPF), há evidências de que o Palocci e o ex-assessor Branislav Kontic receberam propina para atuar em favor da empreiteira. Para a força-tarefa, Palocci recebeu vantagem indevida por meio do codinome “Italiano”.

Moro mencionou uma informação do processo e perguntou como a testemunha Fernando Sampaio Barbosa a havia entendido.

O advogado de Palocci, então, tentou impedir a pergunta argumentando que a testemunha deve falar sobre fatos e não o que acha. O juiz indeferiu o pedido da defesa, que insistiu. Foi neste momento que Moro rebateu.

Fernando Sampaio Barbosa é ex-diretor da Odebrecht e foi arrolado como testemunha de Marcelo Odebrecht para a audiência desta segunda.

A discussão

Moro: Tem uma frase, ali no item 6: ‘Mencionou, em referência ao diretor [Renato] Duque, que tem compromisso com o PT de ficar no cargo de diretor até solucionar a contratação dessas 21 sondas.’ O que o senhor entendeu com essa afirmação? O senhor sabe explicar?

Testemunha: Meritíssimo, eu entendi o que está escrito aqui.

Advogado: “Pela ordem, Excelência, as testemunhas depõem sobre fatos, não sobre o que ela acha ou entende. (…) que fique impugnada a pergunta de Vossa Excelência. E já acrescento: o fato de que o ministro, em algumas respostas de Vossa Excelência, a testemunha diz que por ouvir dizer soube que o ‘Italiano’ era o Palocci, essa defesa insiste no direito de fazer esta pergunta novamente à testemunha (sic)”.

Moro: “Certo, como ele é destinatário do e-mail, a pergunta é pertinente. Então eu reitero a pergunta e depois que eu terminar, eu passo a palavra (…)

Advogado: “Com o devido respeito, Excelência, testemunha não pode achar nada, a não ser que haja outro Código de Processo Penal. Porque, de acordo com o Código de Processo Penal brasileiro, a testemunha depõe sobre fatos e não opina, de modo que eu não vou aceitar essa violência contra a letra do Código de Processo Penal, com o devido respeito”

Moro: Tá bom, doutor. Sua questão já foi indeferida. Então, eu reitero a pergunta para a testemunha. A testemunha tem conhecimento dos fatos, já que é destinatária da mensagem. Se ela não souber, ela pode dizer que não sabe.

Advogado: Mas ela não pode achar, Excelência.

Moro: Doutor! A sua questão está indeferida, doutor!

Advogado: A defesa adverte a testemunha de que ela está proibida de depor sobre o que ela acha. A lei impõe que ela deponha sobre fatos.

Moro: Doutor, o doutor faça concurso para juiz e assuma a condução da audiência, mas, quem manda na audiência é o juiz.

Advogado: Vossa Excelência preste exame da Ordem dos Advogados do Brasil. Cada um aqui cumpre o seu papel, tá certo?

Moro: Sua questão está indeferida, doutor, eu estou perguntando à testemunha. O que o senhor entendeu com essa mensagem, o que o senhor sabia sobre esses fatos?

Testemunha: Olha, eu simplesmente li o que está escrito aqui, mas eu não tinha nenhuma opinião formada. Isso aqui é uma informação que ele colocou. Eu não tinha nenhuma relação com o Duque nem com o PT para saber se o cara ia ficar lá ou não, Meritíssimo. Simplesmente li o que está escrito.

A audiência

Ao todo, sete pessoas foram ouvidas e uma não compareceu à audiência na manhã desta segunda-feira. Duas testemunhas foram arroladas pela defesa do empresário Marcelo Odebrecht e o restante, pela defesa do ex-assessor de Palocci, Branislav Kontic.

Fernando Sampaio Barbosa afirmou que o apelido “Italiano” era uma referência ao ex-ministro Antônio Palocci, preso pela Lava Jato em setembro de 2016.

“A gente sabia que o ‘Italiano’ era o Palocci”, disse o engenheiro civil Fernando Sampaio Barbosa, que trabalhou como diretor na Odebrecht. Ele foi arrolado como testemunha de defesa do ex-presidente da Odebrecht S.A., Marcelo Odebrecht.
  • “A gente sabia quem?”, perguntou Sérgio Moro. 
  • “Eu sabia. Eu tinha sido informado pelo Márcio Faria [ex-diretor da Odebrecht, já condenado na Operação Lava Jato]”, relatou Fernando Sampaio Barbosa.

O próprio Sergio Moro confessou que não passou na OAB!

Então a OAB que desminta o próprio Sergio Moro!

BOMBA DOS ÁUDIOS!!!SERGIO MORO SOFRE PROCESSO DISCIPLINAR E TERÁ 15 DIAS PARA SE EXPLICAR !

 DE QUEM FOI A AUTORIZAÇÃO PARA DIVULGAR ÁUDIOS DE DILMA NA LAVA JATO!

O principal deles foi da conversa do ex-presidente com Dilma Rousseff em março de 2016


O juiz Sergio Moro terá 15 dias para apresentar defesa em processo disciplinar que apura sua conduta na autorização da divulgação de áudios de Dilma e do ex-presidente Lula em março de 2016, entre eles o da conversa com a  presidente Dilma Rousseff. O corregedor nacional da Justiça, João Otávio de Noronha, adiou o julgamento do processo para ouvir o juiz federal.

Logo no início do depoimento do ex-presidente Lula, na tarde da  quarta-feira (10/05/2017), o juiz Sergio Moro disse que não tinha nada contra o réu. E que estava ali apenas como juiz. 
  • “Eu queria deixar claro que, em que pesem alegações nesse sentido, da minha parte não tenho nenhuma desavença pessoal contra o senhor ex-presidente. Certo?” 
Lula ficou em silêncio.
  • “O que vai determinar o resultado desse processo no final são as provas que vão ser colecionadas e a lei”, prosseguiu Moro. 
  • “Também vamos deixar claro que quem faz a acusação nesse processo é o Ministério Público, e não o juiz. Eu estou aqui para ouvi-lo e para proferir um julgamento ao final do processo.” 
Novamente, em silêncio, Lula assentiu com a cabeça baixa. 


O BOATO DA PRISÃO DE LULA
Sergio Moro esclareceu que o boato de que Lula poderia ser preso durante o depoimento era apenas isso, um boato. E o depoimento, então, começou.
  • O juiz Sergio Moro afirmou a interlocutores que o interrogatório do ex-presidente Lula, realizado na tarde da  quarta-feira (10/05/2017) em Curitiba, foi “tranquilo e informativo”. O depoimento durou cerca de cinco horas. 
Ele se encontra sem o mesmo apoio popular ,o juiz, Sérgio Moro corre o risco de ser eliminado da Lava Jato.

Segundo informações Moro estaria apreensivo com o fato, pois o mesmo como todos sabem teve sua prática condenada pelo STF através do Ministro Teori que na época era relator da operação Lava Jato na Suprema Corte.
A reclamação disciplinar pede providências depois que Moro proibiu a gravação independente da oitiva.

De acordo com o processo analisado ,pedem que o magistrado seja notificado para prestar informações em 15 dias, “sem prejuízo de outras diligências necessárias para apurar as verossimilhanças da imputação”.

A defesa pede também que sejam adotadas contra Moro “as medidas previstas no Regimento Interno do CNJ, com a eventual imposição de sanções disciplinares”. 
  • “Muito estranha o mesmo magistrado, que utiliza o poder geral de cautela do processo civil para conduzir um cidadão coercitivamente sem prévia intimação, agora decidir que ‘nem tudo é pertinente ao processo civil é igualmente pertinente ao processo penal’, manejando tal fundamento para cercear o direito da defesa de gravar o ato processual”, argumenta a defesa. 
A denuncia foi  aceita pelo corregedor Nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, que será o proposto ao plenário do CNJ do  processo instaurado contra Sergio Moro.

DA DEVOLUÇÃO DOS PRESENTE DE LULA EM SEU MANDATO

Os bens de Lula foram apreendidos durante a 24ª fase da Lava Jato e estavam guardados no Banco do Brasil.


O fato de o juiz Sérgio Moro autorizar que seja retirado de Lula parte do seu acervo presidencial é mais uma prova de sua parcialidade e perseguição contra o ex-Presidente. O acervo privado de Lula, composto de documentos e presentes recebidos pelo ex-Presidente durante os seus dois mandatos, é resultado de um processo administrativo que tramitou em Brasília, perante a Presidência da República, e seguiu os critérios da Lei nº 8.394/1991, exatamente como ocorreu em relação a todos os ex-Presidentes da República desde a edição desse ato normativo.

  • Nenhum ato relacionado ao acervo foi praticado em Curitiba, como confirmou em juízo a testemunha Claudio Soares Rocha, que organizou todo o processo. Além da questão da competência territorial, o tema é absolutamente estranho a uma Vara Criminal. Mais uma vez está-se diante de uma decisão absolutamente ilegítima, que integra o "lawfare" contra Lula..

Noronha instaurou uma sindicância para investigação dos fatos. Moro terá 15 dias para apresentar defesa,  intimado, a partir de quando a apuração poderá constatar se houve infração no ato do juiz federal. 

Em dezembro do ano passado, Lula já havia entrado com representação contra Sérgio Moro, pedindo instauração de um procedimento disciplinar contra o juiz federal, para que fosse aplicada sanção disciplinar. 

No dia 16 de março, as cópias dos autos foram encaminhadas à Corregedoria Regional da Justiça Federal da 4ª Região, para que fosse apurado em até 60 dias. 

O prazo terminou e agora Sergio Moro terá que se explicar a justiça.


RESUMO:

Quanta mesquinharia. Pela primeira vez na história tiram do presidente os presentes que ele recebeu de outros chefes de estado. Nenhum outro país fez isso. Nenhum outro presidente passou por isso. É de uma pequenez ridícula.Juro que gostaria imensamente de saber quanto custou tudo isso aos cofres do pais...quantas diligencias,pericias,diárias essa gente levou para no fim mandar devolver todas essas quinquilharias que fazem parecer valiosas.apenas para Lula!.

Cada ato de perseguição e mesquinhez desse magistrado, só corrobora para o apequenamento e descrédito da nossa já tão combalida "Justiça.

"O fato de um juiz ser aplaudido é extremamente preocupante, uma vez que juiz não deveria ter lado, não deveria ter partido". 

Afirmo ainda  "que o juiz, com uma canetada, decidiu interromper as atividades do Instituto!
Um juiz com uma canetada, conseguiu interromper as atividades de muitas empresas no Brasil e ajudou gerar milhões de desempregos!

Faço Um questionamento : - estamos vivendo uma ditadura no Judiciário, pois, até o momento, todas as investigações apresentam inúmeros partidos, inúmeros políticos, inúmeros empresários, mas a mídia tradicional só noticia os fatos referentes ao Lula e ao PT , e as investigações só caminham quando são para puni-los?

Vocês decidam se ele devem ou não ser punidos pelos desmandos jurídicos e políticos!




domingo, 18 de junho de 2017

BOMBA MEDIÁTRICA!!!!!MIRIAM LEITÃO ACHOU QUE SERIA LINCHADA NO AVIÃO!

QUE ISTO SIRVA DE LIÇÃO PARA MUITOS JORNALISTAS MENTIROSOS!

Os Esquerdistas Nacional não toleram mentiras e gostam de tirar satisfação com jornalistas e pessoas que mentem sobre os fatos, levando a pessoas a serem enganadas,usando as suas credibilidades jornalisticas ou mesmo fama meteórica! 

Existem outros relatos de passageiros que estavam no mesmo voo que a Miriam Leitão mas resolvi copiar o relato abaixo e colar aqui. Colares tbm em todas as paginas dos programas da Globo. Seria legal que outras pessoas fizessem o mesmo.

"Como nunca visitei seu blog achava que você só mentia na telinha, Miriam.

Fui a último a entrar no avião, e quando o fiz encontrei um voo absolutamente normal. Não notei sua presença pois não havia nenhum tipo de manifestação voltada à sua pessoa. O episódio narrado por mim  a respeito da entrada de um agente da Polícia Federal no voo 6342 da Avianca no dia 03 de junho foi confirmado em nota oficial pela própria companhia aérea. Você pode dizer na melhor das hipóteses que não viu o agente, mas não pode afirmar que 

  • "Se esteve lá, ficou na porta do avião e não andou pelo corredor". Andou, dirigiu-se ao passageiro da poltrona 21A e ameaçou-o.
Durante as duas horas de voo nada houve de forma a ameaçá-la, achincalhá-la ou mesmo citá-la nominalmente. Por duas ou três vezes entoou-se os já consagrados cânticos 

  • "o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo" e "a verdade é dura, a Rede Globo apoiou a ditadura"; 
  • cânticos estes que prescindem da sua presença ou de qualquer pessoa relacionada a empresa em que você trabalha, como se pode notar em todas as manifestações populares de vulto no país. 
  • Veja bem, estávamos a apenas seis fileiras de distância e eu só fui saber de sua presença na aeronave na segunda-feira seguinte, depois de ter escrito o relato publicado por várias fontes de informação da mídia alternativa.
De acordo com a companhia aérea o piloto requisitou a presença de um policial a bordo,

  • "após a tripulação detectar um tumulto a bordo que poderia atentar à segurança operacional e à integridade dos passageiros". Compreenda-se: Para garantir a alegada integridade de uma "celebridade global". 
  • Ora, passa pela sua cabeça deturpada quantas pessoas públicas foram e são cotidianamente abordadas de forma negativa nos voos do nosso Brasil afora? 
  • Pode você imaginar quantos pobres, negros, nordestinos, foram ofendidos em voos e aeroportos por sua origem humilde? 
  • E quantas vezes você acredita terem chamado agentes da Polícia Federal?
  • É sua posição de destaque na abjeta construção de um país cindido que a coloca como celebridade merecedora de tamanho desvelo.

E agora vem com esta nota recheada de inverdades fazer-se de vítima, buscando até mesmo um passado em que você teria sido presa, para assim fazer mais uma vez esse discurso do ódio e da violência? 

RESUMO; 

Permita-me dizer, quem cria esse discurso é a emissora a que você pertence, não só no noticiário distorcido como em sua teledramaturgia:

  • Ensina-se não só a odiar o PT e os jovens pobres e negros que se manifestam nas ruas chamando-os de vândalos, mas também como envenenar o marido e sair ilesa, como jogar a sobrinha recém-nascida no lixo e outros horrores. 
  • Cotidianamente você adentra os lares brasileiros para destilar suas mentiras e seu ódio a governos populares que não lhe garantiram os privilégios que gozava no governo de seu amigo e benfeitor FHC. Cotidianamente você constrói o ódio dos brasileiros aos seus pares; porque os 60% mais pobres deste país não podem gostar e apreciar governos e partidos dos seus iguais. 
  • Você mente para que a população admire e vote somente na elite à qual você pertence. É você quem violenta não só a nossa inteligência, mas também o princípio do amor ao próximo, da igualdade entre os seres humanos. 
  • Não é surpresa que nesta nota de hoje você ridicularize os conhecimentos históricos de um passageiro, que certamente não teve da vida e do poder público as mesmas benesses que você.

Os esquerdistas do nosso voo não são "profissionais do partido", são militantes e delegados. Você sim, na qualidade de profissional da oligarquia midiática brasileira, se aproveita do episódio para envolver e criminalizar nosso mais querido presidente. 

Deixem-no em paz e verão que ele, mais uma vez, fará história em favor das classes que vocês odeiam.


Não estamos para brincadeiras no campo politico!

BOLSONARO!!! A CRISE ECONÔMICA AMERICANA CHEGANDO DE DRONE NO MUNDO

A CRISE AMERICANA A GRANDE MARMOTA DE UMA  CRISE IMOBILIÁRIA DE 2008! Com o Golpe Financeiro no Setor imobiliário ,uma vez mais economia...