quarta-feira, 31 de maio de 2017

BOMBA JURÍDICA!!!!O BRASIL NAS MÃO DOS JUÍZES E DOS POLÍTICOS ,SEMPRE OS MESMOS!


JUÍZES DE ONTEM E OS JUÍZES DE HOJE,NÃO DISTINGUE A CORRUPÇÃO E SIM UM POLITICO!



Há décadas empreiteiras são acusadas de corrupção, e nada acontece.


AS HISTORIAS DE CORRUPÇÃO QUE O POVO ESQUECEU!

Os escândalos envolvendo empreiteiras,juízes  e políticos brasileiros, que estão vindo à tona nos últimos meses, chocam a sociedade. Altas cifras, favorecimentos e acordos surpreendem o povo, que sofre as consequências da grave crise.

  • Mas um olhar mais atento ao passado mostra que estas práticas não são uma novidade. Pelo contrário.
Parecem ter sempre feito parte da relação entre empreiteiros,juizes e o mundo político. Aliás, no mundo empresarial os atores são os mesmos, há décadas. A única coisa que muda são os políticos.
  • E agora, diante dos acordos de leniência que estão sendo firmados (uma espécie de delação premiada para as empresas), o que esperar do futuro? Elas assumem seus crimes, se livram das punições e voltam a participar de licitações com o poder público.
  • Em 1993, a CPI do Orçamento, realizada no Congresso Nacional, desvendou um esquema de corrupção envolvendo empreiteiras e políticos, com base em documentos recolhidos pela Polícia Federal na residência de um diretor da Odebrecht.
Na época, descobriu-se que uma holding formada por 12 construtoras, comandada pela Odebrecht, garantia a divisão equitativa das obras realizadas com recursos do Orçamento entre as empreiteiras. As licitações eram fraudadas ou previamente acertadas, e a vencedora repassava 36% do valor da obra à holding.

Em 1993, CPI do Orçamento revelou esquema de corrupção envolvendo empreiteiras e políticos
Em 1993, CPI do Orçamento revelou esquema de corrupção envolvendo empreiteiras e políticos

Entre as participantes do esquema estavam algumas das mesmas empreiteiras cujo envolvimento na Operação Lava Jato é de conhecimento de todos: OAS, Queiroz Galvão, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa e a própria Odebrecht.

  • Parece uma história bem familiar para o povo brasileiro.
  • Tantos anos depois, mesmo com o escândalo estampado nas páginas dos jornais da época, o que mudou?
HISTORIAS DOS ASSASSINATOS!

Com o assassinato dos dois delegados da polícia federal, talvez agora a PF deixa de ser parcial e reacionária e comece a trabalhar sério. Talvez agora, sentindo a dor na própria carne, eles parem de brincar de mocinhos e bandidos, deixando o Lula em paz, e passe à correr atrás dos verdadeiros criminosos do país.
Podem começar nos respondendo:
  • Quem era o dono da cocaína que estava no helicóptero dos Perrela?
  • Quem mandou derrubar as aeronaves dos executivos do Bradesco, da Vale, do Eduardo Campos e Teori Zavascki?
  • Quem realmente matou o policial Lucas Arcanjo que denunciava o envolvimento do Aécio com o narcotráfico e a modelo que denunciou o mensalão do PSDB?
Apenas os políticos envolvidos. Os fatos hoje mostram que as empresas continuaram agindo da mesma forma com ajuda de juízes ,procuradores e desembargadores. Coagem prefeitos, governadores, montam seus cartéis, ditam as regras, corrompem e seguem colhendo suas vantagens.


OS POLÍTICOS E JUÍZES ENVOLVIDOS!

A nossa justiça não colabora para reprimir os crimes dos políticos NA VERDADE  contribuem para cometerem mais e mais crimes ,vejam as gravação de Aécio Neves  e Gilmar Mendes umas da provas!



Basta analisar a evolução patrimonial destas empresas ,de seus chefes e dos políticos envolvidos para constatar como essas práticas foram vantajosas. Se a corrupção rendeu milhões a alguns políticos,a juízes então imaginem quanto os empreiteiros faturaram.

RESUMO:- O CONJUNTO DA OBRA, justiça + politico= Economia 

E agora, mesmo com as denúncias e acusações, não são eles que pagam a pena. São seus funcionários demitidos, e os milhões de desempregados no país que são punidos por causa da corrupção.

Por que a Justiça não sequestra os bens desses executivos?

Por que não devolve aos cofres públicos o produto do roubo?

Os políticos que foram corrompidos ficam inelegíveis, mas os empresários corruptores seguem, como já faziam há décadas atrás, livres para montar seus esquemas e encher seus cofres.

A POPULAÇÃO DEVE SER ORIENTADA CORRETAMENTE.

RECEBER EXPLICAÇÃO CORRETA.

sábado, 27 de maio de 2017

BOMBA VERMELHA!!! A VERDADE SOBRE LULA E A FRIBOI!

A Rede BBC e a revista Exame numa entrevista exclusiva com Dono da JBS, porque a mídia nunca disse nada! 

O verdadeiro dono disse que  nunca teve relação com Lula  ,que e só o viu uma a três vezes!

RESUMO DA HISTORIA DA JBS FRIBOI

A empresa JBS, dona da marca Friboi, há algum tempo já é a maior produtora de carne bovina e a maior processadora de proteína animal do mundo. Mas desde o ano passado, acrescentou mais um título à sua coleção de superlativos. Após um aumento de 30% nas vendas, superou a Vale para se tornar a maior empresa privada do Brasil.

A diversificação geográfica e de produtos explica a resiliência à estagnação da economia brasileira, segundo o presidente da empresa, Wesley Batista. Parte das operações da JBS está nos EUA, o que significa um grande faturamento em dólar. Além disso, se a crise faz o brasileiro deixar de comer carne bovina, impulsiona o consumo de frango – também produzido pela JBS.

Fundada pela família Batista em Anápolis, Goiás, a JBS tem uma história de sucesso incontestável, mas permeada por algumas polêmicas. Hoje, também é a maior doadora de campanha do país, tendo contribuído com mais de R$ 300 milhões só nas eleições de 2014.

O Sr.Henrique Meirelles sempre esteve lá nos negócios junto ao Banco BNDS, a grande unanimidade das elites do país, que insistem em colocá-lo acima de qualquer suspeita, tem um “detalhe” em sua biografia que a imprensa golpista deixou passar: 
  • Ele era o presidente do grupo durante os anos em que o JBS repassou ao redor de meio bilhão de reais aos políticos, com carta branca dos donos. 
  • Uma de suas responsabilidades era exatamente o contato com o mundo político. 
  • Não é incrível? 
  • E não sabia de tudo?
  • Ele viu nada?
  • Ele “trocava figurinhas” com o agora mega delator e seu ex-patrão Joesley Batista?
Chega!

DOS OBJETIVOS DA JBS COM A POLITICA E BNDS

Qual o objetivo das doações? 

  • “Fazer um Brasil melhor”, promete Batista, em entrevista exclusiva à BBC Brasil. 
  • Mas se o objetivo é esse, investir em político não é arriscado?
  • “Sem dúvida”, admite, acrescentando que o risco “faz parte”.
Em uma conversa na sede da empresa, em São Paulo, Batista falou sobre a relação da JBS com o BNDES, a Lava Jato e os rumores de que o filho do ex-presidente Lula, Fábio Luis da Silva, conhecido como Lulinha, seria um sócio oculto de sua empresa. Confira:

BBC Brasil – Pedi para um taxista me trazer na JBS e ele perguntou: 

  • A empresa do Lulinha? 
  • Qual a origem desses rumores?
A VERDADE DOS FATOS

Batista – (Risos) Vamos ter de fazer uma reunião com taxistas, porque já ouvi isso de muita gente. Talvez organizar um evento com o sindicato para eles pararem com essa palhaçada. Essa conversa é absurda e sem nexo. É difícil dizer de onde saem (esses rumores). 


  • A impressão que temos é que foram plantados em campanhas por adversários políticos (do PT). Parece que foi um site específico…DO PSDB E PMDB!
Mas não é só isso. 

  • Nossa empresa tem uma história. Meu pai começou esse negócio do nada, sessenta e poucos anos atrás. Quando (o presidente) Juscelino (Kubitschek) decidiu erguer Brasília, meu pai foi vender carne para as empresas que estavam construindo a cidade em uma precariedade danada. Trabalhou duro, fez uma reputação. E, sem falsa modéstia, somos bem-sucedidos no que fazemos.
DA COMPETÊNCIA DOS ADMINISTRADORES DA FRIBOI

Não sei se é um tema cultural, mas se você pesquisar vai achar vários empresários bem-sucedidos acusados de receber ajuda. Parece que no Brasil há uma dificuldade de se reconhecer que alguém pode crescer por ser competente ou por força do seu trabalho – e não por sorte ou porque é testa de ferro ou sócio de alguém.

BBC Brasil – Como assim?

Parece que no Brasil há uma dificuldade de se reconhecer que alguém pode crescer por ser competente ou por força do seu trabalho

Batista – 
Há quinze anos, em Goiás, quando éramos muito menores, você ia achar muitos taxistas dizendo que (a JBS, na época Friboi) era do Íris Rezende, que foi governador do Estado várias vezes. Era parecido com essa história do Lulinha. Sempre crescemos muito e as pessoas tinham de achar uma justificativa: “como eu não cresço e o outro cresce?”.

Aqui neste lugar (sede da JBS) funcionava o escritório do Bordon, que chegou a ser uma das maiores empresas de carne bovina do Brasil. O Bordon por muitos anos 

  • “foi” do Delfim Neto (ex-ministro da Fazenda). Quer dizer, foi enquanto ia bem. Quando começou a ir mal ninguém mais falava que era do Delfim.
Talvez isso (rumores) tomou uma proporção maior pelo tamanho que a empresa ganhou. E em função das redes sociais. Mas o que a JBS tem feito é fruto do trabalho e das pessoas competentes que tem aqui dentro.

A CONFISSÃO DA VERDADEIRA HISTORIA

BBC Brasil – Como é sua relação com Lula?

Batista –

Lula foi presidente por oito anos. Só o encontrei uma vez nesse período, em uma reunião setorial no palácio, com 30 pessoas na sala, ministros, CEOs, etc. Não tenho certeza sobre meu irmão (Joesley Batista), mas acho que ele nunca encontrou o Lula quando ele era presidente. Fomos conhecê-lo depois, porque nos chamaram no Instituto Lula justamente para explicar isso (os rumores). Eles perguntaram: 

  • “Que diabos é isso? São vocês que estão falando isso?” 
  • Respondemos: “De jeito nenhum, presidente Lula, achamos isso um negócio sem pé nem cabeça.”
No total, encontrei o Lula três vezes depois que ele deixou a Presidência. Teve um evento de uma revista em um hotel. Sentei na mesa, ele estava almoçando. E teve outra vez em uma inauguração de alguma coisa. Essa é a relação. É muito distante.

BBC Brasil – E com o Lulinha?

Batista – Nunca vi o Lulinha na minha vida. Sei quem ele é por foto na internet. 
Um amigo um dia falou:

  • “Wesley, ele é parecido com você”. 
  • Eu respondi: “Tá louco!” Aí fui olhar. Mas nunca apertei a mão do Lulinha. 
  • Meu irmão encontrou ele uma vez em um evento social, uma festa. Uma pessoa que estava lá ainda brincou: “Vem cá que eu vou te apresentar teu sócio.
O sócio que você não conhece…”. Aí meu irmão disse: “Rapaz… o povo fala que somos sócios e nunca nem tinha te visto”.


RESUMO :

Uma brincadeira sadia de dia festa, que levou a se fazer um jornalismo investigativo junto a bolsa de valores e as juntas comerciais de todo o pais , na qual não encontramos nenhum vestigos de sociedade ou compra de ações!

Sua declarações arroladas em processos judiciais também não demonstraram nenhum registro de enriquecimento ilícito.

Afinal de contas quem pagará esta conta de mentiras sobre a família Luiz Inácio Lula da silva?

Você agora esta satisfeito?

Caso não esteja vá tirar satisfação com os donos da Friboi e os chamem de mentirosos!

sexta-feira, 26 de maio de 2017

A TRAIÇÃO DE SERGIO MORO, VOCÊ NOS DEVE EXPLICAÇÕES!!!!

Três anos de Lava Jato e você não chamou nenhum tucano sequer para depor, exceto FHC, como testemunha do Lula, com você tratando-o com simpática deferência, quase tietagem explícita.


SER JUIZ É APRENDER A LEGISLAR COM OLHOS VENDADOS!

Quando somos juízes não temos amigos e sim todos são inimigos.
Trabalhamos na justiça somos formados sobre uma base cega onde não sabemos o que é amigo, mas sim um réu seja ele quem for.
Não existe cor,raça,condição social ou profissional ,se foi processado e existe ônus da prova , probus intinerant então,não provou sua inocência ele será executado e condenado.


A MENTIRA DESLAVA DE UM JUIZ SEM MORAL 

Em palestra, nos Estados Unidos, acusado de proteger tucanos, você se defendeu afirmando não ter recebido denúncias envolvendo tucanos, o que todo brasileiro sabe que não é verdade, 
  • Aécio Neves está mais citado na Lava Jato do que Jesus no Novo Testamento. 
  • Michel Temer e muitos dos dele estão mais citados que Alá no Alcorão.
A dois metros dos seus ouvidos :
  • Cerveró afirmou ter dado cento e cinqüenta milhões a FHC, como comissão sobre uma refinaria argentina.
Em outra ocasião, também nos Estados Unidos, 
  • Você disse que os tucanos não teriam como se envolver em ilícitos porque não eram governo.
AS PROVAS DA TRAIÇÃO E O FATO QUE SABIA DEMAIS E NÃO FEZ DENUNCIA!


E vieram as suas fotos ao lado de Aécio Neves e Michel Temer, compartilhando água mineral e muitos sorrisos, em intimidade explícita, o Aécio Neves que alguns conhecem parte da biografia que logo se tornará pública, incapaz de dignificar a quem quer que seja.

Agora, a partir da sistematização de informações e da análise feitas por Teori Zavascki, o que talvez tenha lhe custado a vida, e continuado por Edson Fachin e Rodrigo Janot, 
  • sem Power Point, 
  • vazamentos seletivos de depoimentos, 
  • conduções coercitivas, seguidas coletivas de procuradores do Ministério Público, 
  • manifestações fora dos autos, 
  • declarações bombásticas, 
  • condenações prévias... 
Em tempo recorde pegaram um tucano de alta extirpe e o Presidente da República.

 EXECUÇÃO DAS INFORMAÇÕES E AS RESPOSTAS 

Excetuando-se as informações obtidas a partir da arapuca montada pela Polícia Federal, todas as informações restantes passaram, antes, pela Décima Terceira Vara da Justiça Federal de Curitiba, de sua responsabilidade, e custo a acreditar que ao lado dos que estão sendo descobertos e têm foro privilegiado não haja outros sem essa prerrogativa, e que até agora não apareceram.
  • O ex-deputado Eduardo Cunha vem tendo tratamento diferenciado na prisão, 
  • sua esposa e filha não foram presas e, já que em Curitiba convicção tem peso similar à prova material, conforme o Ministério Público daí, uma boa parcela de brasileiros têm convicção do porque?
Apresentado como testemunha de defesa do agora apenado, 
  • Michel Temer teria que responder a 41 perguntas apresentadas pelo então réu, sendo que você indeferiu 21, mais da metade, sob a alegação de que eram para intimidar e chantagear Temer, 
  • e agora, refeitas ou não, essas perguntas estão sendo respondidas nas gravações feitas com autorização judicial, ressalte-se.
Já se tornaram célebres as suas interferências nos depoimentos: 
  • “isso não vem ao caso”, 
  • “não foi isso o que lhe perguntei”, 
  • “limite-se a responder o perguntado”... Sempre que um depoimento se aproxima da perigosa zona dos protegidos.

Você vetou perguntas do advogado de defesa de Eduardo Cunha, feitas a Cerveró, sobre Michel Temer, e que agora serão respondidas no inquérito no STF.

Em telefonema grampeado, sempre com ordem judicial, reitero, o Senador Aécio Neves, afastado do cargo, também por determinação judicial,
  •  foi flagrado afirmando que manobra com delegados da Polícia Federal, para permanecer impune, o que realmente acontece, quando percebemos a quantidade de acusações que há contra ele, sem conseqüências; quando o depoimento do ex-presidente Lula demora cinco horas e a de Aécio, menos de meia hora, soando como ação entre amigos; 
  • quando o depoimento do ex-presidente merece alarde e o de Aécio acontece quase que secretamente, sem que saibamos o que foi perguntado e o que foi respondido.
O TRATADO POLITICO E JURÍDICO
Observando-se os nomes dos delegados e policiais federais que investigaram o ex-presidente e outros, do mesmo partido, percebemos que a maioria vazou informações, algumas delas caluniosas, e que uma boa parcela deles fez postagens nas redes sociais com ofensas à ex-presidenta e ao ex-presidente, sem esconder a posição política, 
  • de maneira raivosa e revanchista, 
  • alguns mesmo trabalhando como cabos eleitorais, pedindo votos para Aécio, nas redes sociais, por ocasião das últimas eleições.
Tivemos até o caso de um Juiz, de Brasília, que fotografado em uma passeata, com camisa da CBF e o rosto pintado de verde e amarelo, saiu da passeata direto para o seu gabinete e em dezoito minutos redigiu e protocolou um pedido de prisão do ex-presidente, contra quem protestou na passeata, 
  • o que mais que ferir a Ciência do Direito, fere a moral, a ética e a decência.
Há até um Procurador da República preso, por favorecimento a investigados.

E se há necessidade de provar tudo isso, a prova foi apresentada no momento em que o Sr. Rodrigo Janot nomeou um delegado de sua estrita confiança para conduzir as investigações, para evitar a intromissão externa sobre a Polícia Federal e o Judiciário, prática que se tornou corriqueira no Brasil, em todos os estados e na capital federal.

O RESPEITO A LAVA JATO E FALTA DE MORAL PARA CONDUZI-LA

Sergio Moro, a Lava Jato nasceu respeitada, com crédito no que apurou, a ponto de considerarmos o ex-presidente Lula liquidado politicamente, amargando 20% da preferência do eleitorado, mas na medida em que todos os atos que narrei vieram a público, criou-se no país a impressão, para uns, e a convicção, com força de prova, em Curitiba, repito, para outros, de que a Operação Lava Jato é um tribunal político travestido de jurídico, com você funcionando como advogado de defesa de uma parcela de políticos e promotor para os que lhes são opositores, e o resultado está nos 47% de intenções de votos em Lula.

Esta idéia está corroborada por muitos colegas seus, juízes também, aqui e no exterior, onde se incluem desembargadores, professores de Direito e pessoas de notório saber jurídico.

Plagiando um grande poeta, digo-lhe que o seu silêncio nos atordoa. Diante dos últimos acontecimentos, você, que é tão pródigo em declarações, entrevistas e manifestações, permanece calado.

Repare que o tratei por você quando quero e deveria tratá-lo por Senhor, Doutor e Excelência, mas é que o vejo como político e não como juiz, uma visão que cada vez mais ganha corpo no país.

Diante de todo o exposto, e que considero a exposição de milhões de brasileiros, enquanto funcionário público você nos deve explicações.

“O juiz e o devido processo” —, o autor afirma que a exigência do devido ou justo processo legal está assentada na Constituição de 1988 e “impõe que na busca da solução dos conflitos por meio do Estado, o juiz, as partes, as testemunhas e os demais colaboradores do Poder Judiciário se conduzam com obediência às normas constitucionais e à legislação entrosada com a Carta da República!

segunda-feira, 22 de maio de 2017

BOMBA PRESIDENCIAL! MICHEL TEMER VENDE INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA A JBS FRIBOI!


O dono da JBS grava Temer dando aval para compra de silêncio Eduardo Cunha!



NOTICIA DE ULTIMA HORA!!!! ELEIÇÕES DIRETAS CONFIRMADAS!

CARMEN LUCIA ESTÁ PRESTES A CONVOCAR AS FORÇAS ARMADAS E FECHAR O CONGRESSO!

Pela Lei 6404/76, combinando-se seus artigos 145, 155, 157, 160 e 165

"Art. 155 : O administrador deve servir com lealdade à companhia e manter reserva sobre os seus negócios, sendo-lhe vedado:

I - usar, em benefício próprio ou de outrem, com ou sem prejuízo para a companhia, as oportunidades comerciais de que tenha conhecimento em razão do exercício de seu cargo;

II - omitir-se no exercício ou proteção de direitos da companhia ou, visando à obtenção de vantagens, para si ou para outrem, deixar de aproveitar oportunidades de negócio de interesse da companhia;

III - adquirir, para revender com lucro, bem ou direito que sabe necessário à companhia, ou que esta tencione adquirir.


A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) ministra Carmen Lúcia, está analisando a possibilidade de convocar as Forças Armadas e fechar o Congresso Nacional.

A advertência foi feita pelo senador Randolfe Rodrigues, que assevera que a situação é extremamente grave, a República caiu e o número de autoridades implicadas é enorme.
No aúdio, Randolfe assegura que Temer não tem condições de continuar no cargo,

• Rodrigo Maia corre o risco de ser preso 
• Eunício Oliveira vai virar réu.
O que Levou a Presidente do Senado a analisar  fechamento do congresso?
  • A operação Carne Fraca e sua especulações era prejudicar as exportações Brasileiras uma vez que de 56 empresa do grupo Friboi estava nos Estados Unidos.( Pratica de Crime internacional)
  • Que não haverá Golpe de Estado , Pois Michel Temer entregou a taxa selic antes da reunião do Copon do Banco central, eles tiveram acesso a informação privilegiada antes do pregões das Bolsa de valores e da cotação do Dollar , sabiam que iriam provocar uma avalanche no sistema financeiro ,então teriam que repor o prejuízo que seria causado em suas empresas depois da delação premiada .
Vejam o audio do Senador Randolf :

Quando foi março  de 2017  Joesley Batista e o seu irmão Wesley entraram apressados no STF e seguiram direto para o gabinete do ministro Edson Fachin. Os donos da JBS, a maior produtora de proteína animal do planeta, estavam acompanhados de mais cinco pessoas, todas da empresa. Foram lá para o ato final de uma bomba atômica que explodirá sobre o país — a delação premiada que fizeram, com poder de destruição igual ou maior que a da Odebrecht. Diante de Fachin, a quem cabe homologar a delação, os sete presentes ao encontro confirmaram:

  • tudo o que contaram à Procuradoria-Geral da República foi por livre e espontânea vontade, sem coação.
É uma delação como jamais foi feita na Lava-Jato:
  • Nela, o presidente Michel Temer foi gravado em um diálogo embaraçoso. Diante de Joesley, Temer indicou o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para resolver um assunto da J&F (holding que controla a JBS). 
  • Posteriormente, Rocha Loures foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil enviados por Joesley. 
  • Temer também ouviu do empresário que estava dando a Eduardo Cunha e ao operador Lúcio Funaro uma mesada na prisão para ficarem calados. Diante da informação, Temer incentivou: "Tem que manter isso, viu?".
Aécio Neves foi gravado pedindo R$ 2 milhões a Joesley. O dinheiro foi entregue a um primo do presidente do PSDB, numa cena devidamente filmada pela Polícia Federal. A PF rastreou o caminho dos reais. 

  • Descobriu que eles foram depositados numa empresa do senador Zeze Perrella (PSDB-MG).
Joesley revelou também que pagou R$ 5 milhões para Eduardo Cunha após sua prisão, valor referente a um saldo de propina que o peemedebista tinha com ele. Disse ainda que devia R$ 20 milhões pela tramitação de lei sobre a desoneração tributária do setor de frango.
GAIOLA DE TEMER OU O CURRAL DE TEMER?

Michel Temer isto que você fez é crime penal em seu exercício, então você deve ser preso dentro do Planalto se ficar provado!

CP - Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940. Art.325 - Revelar fato de que tem ciência em razão do cargo e que deva permanecer em segredo, ou facilitar-lhe a revelação: Pena - detenção, de seis meses a dois anos, ou multa, se o fato não constitui crime mais grave.
  • "Tá dando alpiste pros passarinhos?" 
  • Era o código para a propina de Eduardo Cunha.
  • Temer nega acusações de Joesley Batista e seus executivos e diz que não deixará governo.
Ele é acusado de obstrução à justiça, corrupção passiva e organização criminosa, mas a OAB decidiu:
  • A Ordem dos Advogados do Brasil decidiu aceitar a abertura do processo de impeachment contra Temer.
Publicação, integralidade, decisão inocorrência, transcrição, informação sigilosa.crime, declaração falsa.

Pela primeira vez na Lava-Jato foram feitas "ações controladas", num total de sete. Ou seja, um meio de obtenção de prova em flagrante, mas em que a ação da polícia é adiada para o momento mais oportuno para a investigação. 

  • Significa que os diálogos e as entregas de malas (ou mochilas) com dinheiro foram filmadas pela PF. As cédulas tinham seus números de série informados aos procuradores. Como se fosse pouco, as malas ou mochilas estavam com chips para que se pudesse rastrear o caminho dos reais. Nessas ações controladas foram distribuídos cerca de R$ 3 milhões em propinas carimbadas durante todo o mês de abril.
Se a delação da Odebrecht foi negociada durante dez meses e a da OAS se arrasta por mais de um ano, a da JBS foi feita em tempo recorde. 

  • No final de março, se iniciaram as conversas. Os depoimentos começaram em abril e na primeira semana de maio já haviam terminado. As tratativas foram feitas pelo diretor jurídico da JBS, Francisco Assis e Silva. Num caso único, aliás, Assis e Silva acabou virando também delator. 
  • Nunca antes na história das colaborações um negociador virara delator.
A velocidade supersônica para que a PGR tenha topado a delação tem uma explicação cristalina. 
O que a turma da JBS (Joesley sobretudo) tinha nas mãos era algo nunca visto pelos procuradores:
  • conversas comprometedoras gravadas pelo próprio Joesley com Temer e Aécio — além de todo um histórico de propinas distribuídas a políticos nos últimos dez anos. Em duas oportunidades em março, o dono da JBS conversou com o presidente e com o senador tucano levando um gravador escondido — arma que já se revelara certeira sob o bolso do paletó de Sérgio Machado, delator que inaugurou a leva de áudios comprometedores. 
Ressalte-se que essas conversas, delicadas em qualquer época, ocorreram no período mais agudo da Lava-Jato. Nem que fosse por medo, é de se perguntar: 
  • como alguém ainda tinha coragem de tratar desses assuntos de forma tão desabrida?
Para que as conversas não vazassem, a PGR adotou um procedimento inusual. 
  • Joesley, por exemplo, entrava na garagem da sede da procuradoria dirigindo o próprio carro e subia para a sala de depoimentos sem ser identificado. Assim como os outros delatores.
Ao mesmo tempo em que delatava no Brasil, a JBS mandatou o escritório de advocacia Trench, Rossi e Watanabe para tentar um acordo de leniência com o Departamento de Justiça dos EUA (DoJ). 
Fechá-lo é fundamental para o futuro do grupo dos irmãos Batista. A JBS tem 56 fábricas nos EUA, onde lidera o mercado de suínos, frangos e o de bovinos. 

  • Precisa também fazer um IPO (abertura de capital) da JBS Foods na Bolsa de Nova York.
Pelo que foi homologado por Fachin, os sete delatores não serão presos e nem usarão tornozeleiras eletrônicas. 

Será paga uma multa de R$ 225 milhões para livrá-los das operações Greenfield e Lava-Jato que investigam a JBS há dois anos. 

Essa conta pode aumentar quando (e se) a leniência com o da JBS Friboi for assinada. 

Brasilia pode não existir mais depois da delação de leniência!


RESUMO

O fruto da pesquisa realizada na matéria Crimes Econômicos, da Especialização de Ciências Penais da Universidade PUC-MINAS, e a nossa abordagem a respeito do surgimento e da evolução do crime de uso indevido de Informação Privilegiada no Brasil e no direito comparado norte americano. 

A orientação e explicação têm a finalidade de demonstrar a importância da manutenção da criminalização do insider trading no Brasil como instrumento de regulação do mercado de capitais, bem como apontar as deficiências de nossa legislação, que precisa sofrer alterações de forma a atender nossas necessidades e aumentar a credibilidade de nosso mercado financeiro.

A nação precisa saber dos envolvidos:

  1. · Presidente Michel Temer
  2. . Henrique Meirelles
  3. · Joesley Batista da (JBS)
  4. · Francisco Assis e Silva(JBS)
  5. · Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR)
  6. · Eduardo Cunha ( Preso)
  7. · Lúcio Funaro(Preso)
  8. · Aécio Neves (Afastado)
  9. · Zeze Perrella (PSDB-MG).
  10. · Sérgio Machado( Transpetro)

A NOSSA ECONOMIA NÃO SERÁ MAIS MESMA SE SEGUREM!


Porque vem avalanche pela frente.

sábado, 20 de maio de 2017

MAIS BOMBA STF PERGUNTA!QUEM ERA O PRESIDENTE DO JBS - HENRIQUE MEIRELLES?

Está explicado porque o ministro Henrique Meirelles e sua equipe divulgaram uma informação mentirosa ao Brasil quando a questão de sua ligação com a JBS  o incomodou!


Henrique Meirelles, a grande unanimidade das elites do país, que insistem em colocá-lo acima de qualquer suspeita, tem um “detalhe” em sua biografia que a imprensa golpista deixou passar: 
  • ele era o presidente do grupo durante os anos em que o JBS repassou ao redor de meio bilhão de reais aos políticos, com carta branca dos donos. 
  • Uma de suas responsabilidades era exatamente o contato com o mundo político. 
  • Não é incrível? 
  • E não sabia de tudo? 
  • Ele viu nada? 
  • Ele  “trocava figurinhas” com o agora mega delator e seu ex-patrão Joesley Batista?
MOMENTO DE SER PRESO POR OBSTRUÇÃO FA JUSTIÇA

  • Se sabia, é inexplicável que não tenha ainda entrado na dança. 
  • Se sabia e atuou em parceria com Joesley, mais grave ainda. 
  •  Se não sabia, bem… se Meirelles foi o presidente do grupo entre 2012 e 2016 e não soube que saíram R$ 500 milhões do caixa das empresas, nas mãos de quem está a economia do país?
AS MENTIRAS DE HENRIQUE MEIRELLES!

O ministro e sua equipe divulgaram uma informação mentirosa ao Brasil quando a questão de sua ligação com a JBS incomodou: 
  • numa nota oficial do Ministério da Fazenda à imprensa em setembro de 2016 afirmou-se que Meirelles “se limitava a prestar consultoria” ao grupo. 
  • A imprensa golpista, agora engalfinhada em torno da permanência ou não de Temer, engoliu a história e o cargo fictício criado para Meirelles, que seria presidente de um tal Conselho Consultivo, que não existe, com o claro objetivo de reduzir a responsabilidade do ministro –leia aqui uma reportagem sobre a nota do Ministério e a invenção do “Conselho Consultivo”.

Meirelles nunca foi presidente deste “Conselho Consultivo” inexistente, 
  • e sim presidente do Conselho de Administração do grupo JBS entre 2012 e até sua entrada no governo Temer em 2016. 
Tinha poderes amplos no grupo. A reportagem da revista Exame que anunciou a contratação de Meirelles, em 2012, quase um press release do grupo, tinha um título significativo: 
  • “O preço de Meirelles para o JBS” –ao redor de R$ 40 milhões por ano! Na reportagem, Joesley Batista afirmou taxativamente:
  • “O Meirelles não vai ser apenas um consultor. Vai cobrar resultados dos executivos e traçar estratégias para a expansão do negócio; agora é com ele.” Muito longe da versão do Ministério da Fazenda em 2016. 
Logo abaixo do título da reportagem, uma frase explicitava o poder e o preço de Meirelles: “Joesley Batista deu carta branca e uma montanha de dinheiro ao ex-presidente do Banco Central”. Mas há mais. 

Leia mais estre trecho da reportagem/press release: “‘Além de ter excelentes conexões empresariais, ele transita muito bem no governo.’ (Meirelles interrompeu a entrevista no dia 9 de março para receber o ministro Fernando Bezerra Coelho, da Integração Nacional, na sede da J&F, no Alto de Pinheiros, zona oeste de São Paulo.)” – se quiser, leia toda a reportagem aqui.

Os Conselhos de Administração das empresas de capital aberto deixaram de ser há mais de 20 anos os órgãos decorativos que foram no século XX. Eles orientam, controlam e, por meio de comitês, exercem funções executivas nas grandes empresas. 
  •  Não é diferente na JBS, ao contrário do que Meirelles quis fazer crer meses atrás. Veja no site do grupo para investidores que sequer existe o tal “Conselho Consultivo” soprado pela equipe do Ministério aos jornalistas da imprensa conservadora, que engoliram sem sequer um clique no site: 
  • clique você aqui; em seguida, clique na aba Informação Corporativa e você verá que o que existe mesmo é um Conselho de Administração. Se você for até a área do Conselho no site, lerá: “O Conselho de Administração da Companhia é o órgão responsável por, em outras questões, determinar as suas políticas e diretrizes dos seus negócios. O Conselho de Administração também supervisiona a Diretoria (…)”.

Dá pra acreditar que como presidente do grupo ele não soube de nada? 
Não viu? 
Não leu? 
  • Sumiram R$ 500 milhões dos cofres do grupo e Meirelles não soube? 
  • Se ele soube, deve entrar nos processos em curso. 
  • Se ele não sabia de nada mesmo, deve ser interditado, porque deixar um néscio assim como ministro da Fazenda do Brasil é um risco sem medida.
A nossa economia corre o risco de sucumbir com Meirelles nesta situação!

BOMBA NO SENADO FEDERAL!Querem Manter Aécio No Cargo!

O Senado pode ser  julgado por formação de quadrilha para defender um criminoso confesso!


Em 2013 foi publicada a Lei de Organização Criminosa, Lei esta que alterou a redação do crime de formação de quadrilha tipificado no artigo 288 do CPB. CPB - 
  • Art. ... 288 - Associarem-se mais de três pessoas, em quadrilha ou bando, para o fim de cometer crimes: 
Senadores Articulam Desobediência A Liminar D E Fachin !

O Senado pode desobedecer a decisão do ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), que determinou por meio de liminar que o mandato do senador Aécio Neves seja suspenso.

Mas de acordo com os artigos :
  • Art. 533, § 3.ºº, daCFF- Relaciona-se com a possibilidade dos parlamentares poderem ser presos ou ser instaurado processo contra eles.
Quando a pessoa é acusada de planejar o crime antes de comete-lo?
  •  ¨Aécio Neves é o criminoso que fez a engenharia, armou o crime ou seja, com o conhecimento dos costumes do local onde a vítima frequenta, por onde anda e outras informações faz fortalecer toda ideia para nada sair errado¨.
  • Aécio: Tem que ser um que a gente mata ele antes de fazer delação. Vai ser o Fred com um cara seu. Vamos combinar o Fred com um cara seu porque ele sai de lá e vai no cara. E você vai me dar uma ajuda do caralho...
A estratégia, já discutida por alguns senadores, prevê que a defesa de Aécio recorra à Mesa do Senado questionando a validade da medida. A Mesa então responderia que não há previsão constitucional para a suspensão, mantendo Aécio no cargo.
  • “Em nenhum lugar do mundo um parlamentar seria afastado nessas condições, muito menos por meio de liminar”, diz um dos senadores mais influentes da Casa.
OS CRIMES DE AÉCIO NEVES INDÍCIOS DE TRAFICO DE DROGAS  E LAVAGEM  DE DINHEIRO

O ministro Fachin tomou a decisão baseada na Lei 8.429/92 não se aplica aos agentes políticos sujeitos ao regime de crime de responsabilidade. A repercussão no âmbito do direito administrativo baseia-se na impossibilidade de concorrência entre dois regimes de responsabilidade político-administrativa para os agentes políticos. Dessa forma, estão excluídos da Lei 8.429/92 todos aqueles agentes aos quais a CF/88 atribuiu expressamente a prática de crimes de responsabilidade, aplicando-se-lhes apenas a Lei 1.079/50, afastando, assim, a violação à regra do Ne bis in idem.

Afinal, senadores e deputados federais cometem crime de responsabilidade?

Salvo o caso previsto no Art. 29-A, §3º da Carta Magna (presidente de câmara de vereadores), não existe previsão constitucional, legal ou regimental de membros do poder legislativo serem processados ou julgados por crime de responsabilidade.

No caso de cometimento de atos, por senadores ou deputados que, em se tratando de outras autoridades, seria configurado crime de responsabilidade, configura-se a quebra de decoro, que será analisada previamente pelo conselho de ética da casa e depois, se aprovado (confirmada a quebra), pelo plenário da mesma casa
Em dezembro de 2016, o Senado adotou procedimento semelhante ao que é articulado agora.

À época, a Mesa Diretora decidiu desafiar liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello e recusou-se a afastar da presidência da Casa o senador Renan Calheiros (PMDB-AL). 
O Senado encaminhou ao STF uma decisão da Mesa em que informa que aguardará o posicionamento do plenário do tribunal para então aceitar o afastamento de Renan.

A justiça deve prevalecer!

sexta-feira, 19 de maio de 2017

O PORQUÊ QUE GLOBO FOI PEGA DE SURPRESA COM A DELAÇÃO DE JOESLEY BATISTA DA JBS?

Vou tentar explicar a vocês o que a JBS provocou na globo!

Muitas pessoas ainda não se deram conta da enorme responsabilidade do Ministério Publico ,nos casos do  Petrolão,da Carne Fraca, da APAE e  não apenas por que a sede da Petrobras se encontra na Cidade Maravilhosa,outras no Parana e São Paulo, mas algo muito pior e muito mais comprometedor, envolvendo Procuradores e Promotores de Justiça do Brasil redes de televisões.
Se esses não tivesse se calado, o escândalo da corrupção estaria contido, mensurado em pequenas proporções. 

Teriam estancado a sangria, obstruído a impunidade, teriam chamado atenção das demais autoridades, como estávamos tentando fazer, mostrando que a quadrilha esta agindo e que era preciso obstruir acessos, desmanchar acordos e falcatruas, talvez hoje corrupção não existisse.

Infelizmente PROCURADOR, PROMOTOR e JUÍZES ,se calaram e covardemente tentaram calar-nos, com sentenças vexatórias. 

A rede Globo não está conseguindo comprar mais juízes para seus partidos queridinhos como o PMDB ,DEM e PSDB, sabe o porque?.

Em 2002 a divida era de TRÊS BILHÕES, QUINHENTOS E OITENTA E TRÊS MILHÕES DE DÓLARES. Ou seja, mais de DEZ BILHÕES de reais. Onde as três maiores empresas devedoras são: Globopar, Globo Cabo, Net Sat, que representam cerca de 90% da dívida e onde aparece com destaque até a irresponsável e perdulária Editora Globo, de crônico e sistemático prejuízo, com cerca de 3% do total da dívida.
A única empresa da Rede Globo que, com muita dificuldade, poderia fazer frente a esta fabulosa dívida, e que é lucrativa de verdade, é a TV Globo. Entretanto, nem a TV Globo, com seus seiscentos milhões de dólares anuais, pouco ou nada poderia fazer para salvar o Império Globo da falência.


Quem trabalha com publicidade em SP sabe que há anos a Globo vem no vermelho. 

Seus custos são muito altos e desde que surgiu google, facebook e netflix ela não recebem mais quase 80% da verba de publicidade. 

A verba destinada à Globo vem caindo e cada vez mais rápido toda vez que se mostra que as pessoas ficam mais tempo no computador do que vendo televisão. 


A JBS é a terceira maior anunciante da Globo. Sem o dinheiro da JBS a globo não paga as contas do mês. Quando da operação a "Carne é Fraca" a JBS perdeu algumas centenas de milhares de dólares e seu dono percebeu que estaria correndo risco. 
  • Secretamente ele foi à procuradoria fazer delação sabendo que com Moro ele não a teria. 

Percebendo que mesmo com a delação a JBS seria cobrada por mais de 700 milhões de prejuízo do BNDS (que corrigidos e com multa ia para algo dos 3 bi) e ainda seria preso (como foram Odebrecht e Eike). 

O dono da JBS largou a delação para vários meios de informação. Quem desse o furo levava. A Globo poderia tentar segurar mas perderia o seu terceiro maior anunciante e quando outras emissoras ou mesmo as redes mostrassem a delação ficaria impossível (até para os mais tapados) deixar de reconhecer a globo como acobertadora de corruptos. 


A Globo internamente julgou que o menor prejuízo dela seria colocar o governo Temer abaixo e agora tentar uma coalizão política para não deixar o país afundar na crise. 

A Globo precisa de uma coisa urgente:
  • uma mudança de lei. Ela está falida mas a lei brasileira não permite a venda de empresas de telecomunicações a grupos estrangeiros (os únicos com grana para comprar a globo). 
  • Então ela precisa desta mudança. Lula não precisa fazer nada para ferrar a globo, basta vetar a lei que permitiria venda a grupo estrangeiro. 

Diante da sinuca de bico que a JBS colocou a globo, ela escolheu tentar sair de heroína, imaginando que poderá manobrar sua legião de zumbis para TENTAR se salvar. 

Com o que fez até agora, a globo entrega os anéis e espera salvar os dedos.



BANESTADO,LAVA JATO E APAE -OS CASOS DE CORRUPÇÃO PARANAENSE ,O MODELO!


De acordo com as analises de matérias jornalistica, a corrupção ligada às A.P.A.Es do Paraná tem uma frente de pessoas ligadas a Juízes e Advogados e por trás um esquema intrincado de desvio de verbas Publicas!

Sergio Moro tinha presunção de que tudo estava ligado ao ex-senador Flávio Arns, do PSDB, quando era secretário de educação do estado do Paraná e envolvendo o valor de R$ 450,00 milhões de reais liberados à organização, para que fosse possível competir com a rede de cursos de Direitos Criminais e Penais, nos quais seriam contratados Advogados,Juizes,Policiais Federais para ministrar cursos na escolas.
  • Porque Sergio Moro se silenciou nos Casos de Corrupção do Parana? 
  • Qual foi motivo de proteger os políticos do PSDB e PMDB? 
Em nossas analises , nos assustamos porque na lista do site praticamente tudo davam indícios de que estariam ligados aos esquemas de corrupção de Curitiba.

As verbas liberadas, encontravam-se nas escolas privadas que deveriam utilizar as partes destinadas a essas, na convivência diária e na inclusão educacional. 

Porém, ao verificarmos os contato feito com determinadas escolas envolvidas, obtivemos uma analise das respostas, que o programa de inclusão e convivência ocorria uma vez por ano, em apenas um evento ou uma festa. 

Ao verificarmos as matérias das as ações judiciais ligadas às APAEs, encontramos o advogado responsável : - 
  • como sendo de um sobrinho de Flávio Arns, Marlos Arns.
Então, ao verificarmos que o responsável pelo setor jurídico das APAEs do Paraná,
  • chegamos à Rosângela Moro esposa do juiz Sérgio Moro, autora e mantenedora da fanpage “Eu Moro Com Ele”, no Facebook.
D acordo com as matérias jornalisticas analisadas  , a corrupção ligada às APAEs do Paraná tem uma frente de pessoas todas ligadas a Lava Jato e ao caso do Banestado.
  • Intrigante este elo da corrente judicial curitibana.
Ao investigarmos ainda mais, verificou-se que o irmão de Marlos Arns e, portanto, também sobrinho do ex-secretário e ex-senador Flávio Arns, é proprietário de um CNPJ voltado à educação à distância, cujos os professores dessa instituição são procuradores e delegados da Lava Jato. 

Analisamos vários casos dos advogados indicados pelos policiais da Lava Jato  e Sergio Moro  , umas delas  a advogada Beatriz Catapreta  que abandonou o caso na Lava Jato-

  • Denunciando ameaças e foge para a Itália como forma de se proteger, quem assumiu foi Marlos Arns, que está diretamente envolvido em diversos negócios com estatais paranaenses e com os próprios procuradores e delegados da Lava Jato, que lecionam em sua instituição.
O esquema de corrupção que envolvia ações das APAEs no Tribunal de Justiça do Paraná, todas comandadas :
  • por um sobrinho de Flávio Arns, Marlos Arns, 
  • justamente a esposa do juiz Sergio Moro que fazia parte do Jurídico dessas APAEs.
Este estado " sulista " prega o moralismo hipócrita de uma DIREITA canalha onde taxaram o PT- partido dos trabalhadores que é tido como um antro de ' comunistas e vagabundos '. 

O atual governador tinha este sujeito como secretário da educação em seu primeiro mandato. As famílias mandam e desmandam neste estado e comandam todos os setores seja o judiciário ou o legislativo, onde o povo neste estado, aceita tudo como boi de presépio. 

O que nos chama atenção é justamente esta conivência coletiva. Outros governos eram iguais. 
  • O caso BANESTADO, passa por no mínimo quatro governadores anteriores a este, que foi RE ELEITO..e nada ou quase nada se investiga. Porque?
  • Um jornalista neutro e de outro estado, denunciando tais desmandos. O caso nos deixa mais próximos de entender o que é LAVA JATO neste estado hoje depois da pisão da Irma de Aécio e seu afastamento. 
A democracia está destruída por todos que pregavam tal moralismo hipócrita de Sergio Moro. Nas próximas eleições gerais, teremos o parâmetro para medir tal realidade neste estado sulista e de " primeiro mundo ".


Ao contrário dos que defendem bandidos eu espero que se ela e qualquer outro for culpado que sejam processados ,condenados e presos.
  • Sergio Moro já esta comprometido no maior assalto ao dinheiro do povo, O Banestado. 
A família Moro e Wolf fazem parte da quadrilha que sustenta os empresários corruptos que crescera desviando dinheiro da União que deveriam vir para o Trabalhador, Saúde e Educação, e do esquema que sustenta corruptos nos 3 poderes com seus super-salários!

Acorda Brasil a justiça do País está protegendo ladroes que formaram a nossa constituição para se beneficiarem dos roubos do dinheiro publico! 


BOLSONARO!!! A CRISE ECONÔMICA AMERICANA CHEGANDO DE DRONE NO MUNDO

A CRISE AMERICANA A GRANDE MARMOTA DE UMA  CRISE IMOBILIÁRIA DE 2008! Com o Golpe Financeiro no Setor imobiliário ,uma vez mais economia...